Em mais uma nobre iniciativa, o Sindicato dos Aposentados, Pensionistas e Idosos (Sindnapi-MG) mobilizou a diretoria para distribuir rosas paras as mulheres em pontos movimentados da região central da capital mineira.
Sindnapi doa flores2Crédito: Força Sindical-MG

Os sindicalistas atuaram no Mercado Central, na Rodoviária e nos hospitais de Pronto Socorro e na Santa Casa de Misericórdia. A mesma atividade foi desenvolvida em Brumadinho, na região metropolitana, e Barbacena, na Zona da Mata Mineira.

A ação foi coordenada pelo presidente Cosme Jesus da Cunha, que também é Secretário dos Aposentados da Força Minas. Ele destacou a importância da data, que marca a passagem do Dia Internacional da Mulher, celebrado no dia 8 de março. Junto à flor, um cartão intitulado “Na mulher, o início, o meio e o infinito” enaltecendo o papel das mulheres “como melhores amigas da Humanidade, por representar os valores mais dignos da Civilização”.

Secretaria do Sindnapi-MG, Ângela Peres afirma o valor dos direitos conquistados pelas mulheres e a própria condição de mulher negra, mãe e aposentada, que sofre os efeitos redobrados da discriminação. A partir da experiência de 42 anos de trabalho e da atuação enquanto militante do sindicalismo, a diretoria do Sindnapi-MG declara ter o caráter e o espírito formados na luta.

OS APOSENTADOS NO BRASIL

Atualmente, existem mais de 19 milhões de aposentados no Brasil, conforme dados da Secretaria da Previdência Social. O brasileiro se aposenta, em média, aos 58 anos. De cada três aposentados, dois ganham somente um salário mínimo.

Os dois tipos de aposentadoria mais comuns são por tempo de contribuição e por idade. No primeiro caso, basta ter contribuído com o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) por 35 anos (homens) e 30 anos (mulheres), independente da idade. Na atualidade, cerca de 5,7 milhões de pessoas fazem parte desse grupo. Quem se aposenta por tempo de contribuição consegue o benefício com pouco menos de 55 anos, recebendo dois salários mínimos.

A maior parte dos brasileiros, porém, se aposenta por idade: são pouco mais de 10 milhões de pessoas. Para conseguir se aposentar por idade, os homens precisam ter, pelo menos, 65 anos e as mulheres, 60 anos. Todos precisam ter contribuído com o INSS por 15 anos, no mínimo.


 

Sindnapi doa flores2Crédito: Força Sindical-MG

Os sindicalistas atuaram no Mercado Central, na Rodoviária e nos hospitais de Pronto Socorro e na Santa Casa de Misericórdia. A mesma atividade foi desenvolvida em Brumadinho, na região metropolitana, e Barbacena, na Zona da Mata Mineira.

A ação foi coordenada pelo presidente Cosme Jesus da Cunha, que também é Secretário dos Aposentados da Força Minas. Ele destacou a importância da data, que marca a passagem do Dia Internacional da Mulher, celebrado no dia 8 de março. Junto à flor, um cartão intitulado “Na mulher, o início, o meio e o infinito” enaltecendo o papel das mulheres “como melhores amigas da Humanidade, por representar os valores mais dignos da Civilização”.

Secretaria do Sindnapi-MG, Ângela Peres afirma o valor dos direitos conquistados pelas mulheres e a própria condição de mulher negra, mãe e aposentada, que sofre os efeitos redobrados da discriminação. A partir da experiência de 42 anos de trabalho e da atuação enquanto militante do sindicalismo, a diretoria do Sindnapi-MG declara ter o caráter e o espírito formados na luta.

OS APOSENTADOS NO BRASIL

Atualmente, existem mais de 19 milhões de aposentados no Brasil, conforme dados da Secretaria da Previdência Social. O brasileiro se aposenta, em média, aos 58 anos. De cada três aposentados, dois ganham somente um salário mínimo.

Os dois tipos de aposentadoria mais comuns são por tempo de contribuição e por idade. No primeiro caso, basta ter contribuído com o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) por 35 anos (homens) e 30 anos (mulheres), independente da idade. Na atualidade, cerca de 5,7 milhões de pessoas fazem parte desse grupo. Quem se aposenta por tempo de contribuição consegue o benefício com pouco menos de 55 anos, recebendo dois salários mínimos.

A maior parte dos brasileiros, porém, se aposenta por idade: são pouco mais de 10 milhões de pessoas. Para conseguir se aposentar por idade, os homens precisam ter, pelo menos, 65 anos e as mulheres, 60 anos. Todos precisam ter contribuído com o INSS por 15 anos, no mínimo.