O 1º secretário da Força Sindical e presidente da Fequimfar – Federação dos Trabalhadores Químicos do Estado de São Paulo, Sérgio Luiz Leite (Serginho), foi recebido pelo Sr Somsak Kosaisook, presidente da SERC - Confederação de trabalhadores em empresas estatais. Ainda na Tailândia, participou de reunião conjunta com a NCPE - Confederação Nacional de Trabalhadores da Iniciativa Privada e com a TTUC - Confederação Tailandesa de Sindicatos de trabalhadores.
Encontro bilateral TailândiaCrédito: Arquivo

Durante o encontro foram discutidas as relações trabalhistas em cada país e Serginho aproveitou a ocasião para apresentar a ADS  - Alternativa Democrática Sindical aos sindicalistas tailandeses.

O sindicalista explica que foi proposto o fortalecimento das relações bilaterais entre as entidades dos dois países. Os sindicalistas constataram que os direitos trabalhistas têm sido ameaçados em todo o mundo. “A solidariedade internacional é de fundamental importância para resistir aos ataques”, afirmou Serginho.

Kosaisook ressaltou que atualmente a principal luta da SERC é a resistência contra as propostas de privatizações das empresas públicas.

Reunião conjunta
Serginho participou de outra reunião, desta vez com lideranças da NCPE - Confederação Nacional de Trabalhadores da Iniciativa Privada e com a TTUC - Confederação Tailandesa de Sindicatos de Trabalhadores. Recebidos oor Thavee Techateeravat, presidente da NCPE e Anuchit Kaewton, do comitê de seguridade social da TTUC, os sindicalistas falaram sobre a atuação da Força Sindical e da ADS, na luta unitária contra as reformas trabalhistas e previdenciárias no Brasil. "Sugerimos fortalecer as relações bilaterais entre as entidades. A solidariedade internacional é de fundamental importância", explica Serginho.

Encontro bilateral TailândiaCrédito: Arquivo

Durante o encontro foram discutidas as relações trabalhistas em cada país e Serginho aproveitou a ocasião para apresentar a ADS  - Alternativa Democrática Sindical aos sindicalistas tailandeses.

O sindicalista explica que foi proposto o fortalecimento das relações bilaterais entre as entidades dos dois países. Os sindicalistas constataram que os direitos trabalhistas têm sido ameaçados em todo o mundo. “A solidariedade internacional é de fundamental importância para resistir aos ataques”, afirmou Serginho.

Kosaisook ressaltou que atualmente a principal luta da SERC é a resistência contra as propostas de privatizações das empresas públicas.

Reunião conjunta
Serginho participou de outra reunião, desta vez com lideranças da NCPE - Confederação Nacional de Trabalhadores da Iniciativa Privada e com a TTUC - Confederação Tailandesa de Sindicatos de Trabalhadores. Recebidos oor Thavee Techateeravat, presidente da NCPE e Anuchit Kaewton, do comitê de seguridade social da TTUC, os sindicalistas falaram sobre a atuação da Força Sindical e da ADS, na luta unitária contra as reformas trabalhistas e previdenciárias no Brasil. "Sugerimos fortalecer as relações bilaterais entre as entidades. A solidariedade internacional é de fundamental importância", explica Serginho.